Postagens

Mostrando postagens de Março, 2019

Partilha Pessoal - Lucas 14, 1-24

Cura de um doente
Lição de humildade
Parábola do grande banquete

Na parábola do grande banquete, temos a convicção absoluta que o Reino de Deus está aberto a qualquer um, o convite nos foi feito ainda na criação de cada um de nós, porém com o passar do tempo, muitos se dispersarão pela não compreensão da palavra ou pelas distrações que o mundo trás até nós, tornando-nos quase sempre muito atarefados com coisas perecíveis a ponto de não nos ocuparmos com a única coisa realmente importante, a Salvação Pessoal.
´
O tema é de conhecimento de todos aqui, mas é sempre bom reler essa passagem ou que alguém nos remeta a ela, porque esquecemos do seu conteúdo e da forma correta que devemos viver.

"É feliz quem a Deus se confia!"

Partilha Pessoal - Lucas 13, 10-35

Cura de uma mulher encurvada
Número de escolhidos. A porta estreita
Lamento por Jerusalém

O pecado nos deixa encurvado, andando de cabeça baixa e desanimados, não qualquer pecado, só aqueles do qual nos arrependemos imediatamente e dos demais quando tomamos consciência. 

Muitas vezes entramos no pecado por alguma distração, por descuido e por não respirar fundo antes de tomar qualquer decisão, em certas ocasiões se tivéssemos o discernimento de não agir como o mínimo de clareza não sucumbiríamos ao pecado e é nestes momentos que numa fração de segundo o mal entra em nossos corações e quando percebemos o pecado já se instalou e ao recobrar a sanidade, só nos resta o remorso e o arrependimento.

Para evitar isso é necessário muita oração com o pedido para estarmos sempre na Graça, atentos, firme e fortes, pois qualquer descuido pode ser a ruína de uma vida toda andando ao lado de Jesus Cristo.

"Glorifica o Senhor, Jerusalém!"

Partilha Pessoal - Lucas 13, 1-9

Convite à conversão
A figueira estéril

Fomos criados por Deus para vivermos nessa terra temporariamente, no entanto, não é aqui que ele nos quer, Deus nos quer ao seu lado eternamente e vai esperar o tempo que for necessário para nos receber de braços abertos pelo amor divino que ele tem por cada um de nós, porém devemos ficar atentos porque o tempo de Deus é infinito, já o nosso tempo é finito, então precisamos viver aqui com sabedoria, seguindo a Sagrada Escritura e estarmos sempre preparados para quando recebermos o seu chamado.

"É feliz que a Deus se confia!"

Partilha Pessoal - Lucas 12, 35-59

Necessidades da vigilância
Sinais dos tempos reconciliação.


"... aquele que muito se deu, muito se exigirá..."

As vezes cometemos o equívoco de achar que a frase acima aplica-se apenas as pessoas abastadas ou que tenham uma vida financeira confortável comparando com os mais necessitados, mas nem sempre é sobre isso.

Num mundo onde cada vez mais as pessoas se estranham por qualquer motivo e onde existem muitos sofrendo com diversos tipos de doenças, tristezas, depressão, solidão, andando de cabeça baixa, enfim, levando uma vida sofrida por algum motivo.

Se por acaso passamos por um momento onde estamos com a cabeça boa, ou seja,  equilibrados, doar-se a esses irmãos também é uma forma de misericórdia divina, porque Deus quer ajudar os seus filhos através dos outros filhos capacitados para isso.

E se hoje somos nós os filhos capacitados a ajudar, amanhã poderemos ser um dos filhos a precisar de ajuda.

"O Senhor é minha luz e salvação."

Partilha Pessoal - Lucas 12, 13-34

Parábola do homem rico
É bom confiar

Como o Padre Roger Araujo falou num dos estudos anteriores: "... quando a gente morre, tudo que nós aprendemos fica por aqui, mas toda misericórdia que exercemos nesta vida ela é eterna..." e é exatamente isso que trata este estudo, pois sabemos que ela vem, mas não sabemos a hora e nem lugar, então, é um equívoco termos muito mais do que precisamos, quando sabemos que alguns próximos de nós  não tem absolutamente nada, e ajudar a estes que precisam muito, é agradável aos olhos de Deus.

"O Senhor não nos trata como exigem nossas faltas."

Partilha Pessoal - Lucas 12, 1-12

Instruções aos discípulos

O fato é que absolutamente nada passa despercebido diante de Deus!

Ele esta no controle de tudo, do maior ao menor movimento de todas as coisas, e por correção, não por medo da revelação precisamos ter muito cuidado com os nossos pensamentos, estes precisam ser constantemente repreendidos e purificados, pois pecamos muito na mente e se for algo recorrente o próximo passo é o pecado efetivo.

Devemos nos doutrinar a repudiar esses pecados tão logos eles aparecem e nunca alimentá-los, pois só assim poderemos derrotá-los ainda em nosso interior.

Agindo assim, estaremos dando nosso depoimento íntimo e pessoal do reconhecimento do Filho do Homem.

"Eis que a sua descendência durará eternamente."

Partilha Pessoal - Lucas 11, 37-54

Censuras aos fariseus

A verdade é que ninguém  gosta de ser repreendido,  mesmo que intimamente reconheça que esteja equivocado sobre um determinado assunto, e se assim for, neste momento o cristão deve aceitar a crítica com humildade, entendendo que a mesma vem para fortalecê-lo e não para humilhá-lo, independente da forma como lhe é falado. 

É isso que os fariseus e doutores da Lei não entendiam por serem arrogantes, e essa falta de compreensão os levaram a querer o confronto a todo momento com o Senhor, quando o correto é que deveriam acolher e praticar os seus ensinamentos.

"O Senhor liberta os justos de todas as angústias."

Partilha Pessoal - Lucas 11, 14-36

Blasfêmia dos fariseus
O sinal de Jonas
Os olhos como luz

Irmãos e Irmãs, todos nós precisamos estar em unidade com Deus em seus ensinamentos, não só nós da Igreja Católica, mas as demais religiões que tem elementos da nossa Igreja em sua doutrina e que, portanto, participam desta unidade também.

Uma coisa que nunca entendi é porque há tantas divergências entre duas ou mais fé cristã, se cada um vai ser acolhido ou não por Deus por suas escolhas, não podemos esquecer que a salvação é pessoal, mas ainda assim o pai da mentira, o rei da divisão vem para nos dividir e nos enfraquecer com as peculiaridades que nos distingue, Jesus já falou: "Quem não é contra mim é ao meu favor".

Então, abramos nossos olhos, e que eles sejam capazes de nos privilegiar com a luz sem mistura das trevas para que todo nosso corpo possa estar iluminado e assim, atentos, possamos também nunca deixar de ouvir o que o Senhor tem a nos dizer.

"Ó Senhor, vossas palavras são espírito e vida!"

Partilha Pessoal - Lucas 11, 1-13

A oração do Pai-Nosso

A oração precisa ser feita com fé, muita fé, não adianta pedir por pedir achando que somente isso é suficiente para que nossos pedidos, sejam eles quais forem serão atendidos, e não pensemos que a oração vai ser acolhida e atendida como num passe de mágica, embora muitas vezes isso venha ocorrer, mas em regra precisamos ser insistentes, na oração continuada temos mais chances de sermos atendidos, sem esquecermos é claro que antes de pedir agradecemos por tudo que já nos foi agraciado.

"Feliz é quem na lei do Senhor vai progredindo!"

Partilha Pessoal - Lucas 10, 38-42

Marta e Maria

A conduta de Marta nos revela a forma que muito de nós vivemos, sufocados com as obrigações diárias por termos diversas tarefas que não podem ser adiadas e acabamos muitas vezes deixando de lado o essencial, aquilo que visivelmente não lhe cobra resultados de ação.

Faço aqui a mea-culpa tenho o hábito de rezar o Terço Mariano todos os dias, faço-o na hora que dá, muitas vezes (eu reconheço) de forma irresponsável e as pressas,  então, me pergunto, porque não fazê-lo no primeiro horário com mais comprometimento, mesmo que para isso tenho que mudar minha rotina e acordar mais cedo. 

Este sim, é  um bom começo para mudança da minha conduta de oração.

"Se levardes em conta nossas faltas, quem haverá de subsistir?"

Partilha Pessoal - Lucas 10, 21-37

O Evangelho revelado aos pequeninos
O bom samaritano

Aqui percebemos claramente como devemos nos comporta em relação ao Senhor. Se quisermos andar em sua companhia, basta ser uma pessoa ainda mais humilde, desprovido das vaidades humanas e principalmente aberto para receber seus ensinamentos, precisamos ter nossas mentes como as mentes das criancinhas.

"Naquele dia em que gritei, vós me escutastes, ó Senhor!"

Partilha Pessoal - Lucas 9, 51 - 10, 1-20

Discipulado
Missão dos 72 discípulos
Recriminação a duas cidades
Volta dos 72

Bem aventurados somos nós que através da Palavra Sagrada tomamos a consciência da salvação que nos espera no Reino de Deus, onde viveremos em eterna adoração e sem qualquer resquícios da vida que aqui levamos, porque seremos purificados de todos os pecados, no Reino de Deus só entraram os puros, nem a menor mácula possível será admitida. 

Então, aqui ainda, nossa missão é tornarmos imitadores de Jesus Cristo, mantendo-nos na santidade e revelando o Reino de Deus para o máximo possível de pessoas, pois como Jesus falou: "O Filho do Homem não veio para perder as vidas dos homens, mas para salvá-las."

Portanto: _ Eis me aqui Senhor.

"Misericórdia, ó Senhor, pois pecamos."

Partilha Pessoal - Lucas 9, 37-50

O menino epilético
Segundo anúncio da Paixão
Lição de humildade e tolerância

Infelizmente hoje estamos perdendo muito de nossos jovens para as drogas e a criminalidade em geral. Em todas as classes sociais existem jovens que poderiam estar levando uma vida na graça mas  hoje estão nas cracolândias, no crime, nos presídios e muitos mortos através de mortes violentas, estes jovens destroem a si próprios e destroem uns aos outros.

O fato é quem de maneira geral estamos de mãos amarradas, principalmente pelo grande contingente de jovens a serviço do mal, quando é alguém próximo de nós ainda podemos fazer alguma coisa, e se nada fazemos pecamos por omissão, mas e os outros? O que efetivamente podemos fazer para ajudá-los a sair dessa vida? A prevenção ainda é o melhor caminho.

Irmãos e Irmãs, precisamos orar cada vez mais pelos nossos jovens, mesmo aqueles que não conhecemos e nunca iremos conhecer, essa é a nossa função, orar com confiança e como muita fé, cada dia mais e mais entregando nossa…

Partilha Pessoal - Lucas 9, 1-36

Missão dos doze apóstolos
Opinião de Herodes sobre Jesus
Primeira multiplicação dos pães
Confissão de São Pedro
Transfiguração

Até os dias de hoje Jesus nos dá diariamente o mesmo poder que deu aos doze apóstolos, através da Sua Palavra ao sairmos em missão ou em qualquer que seja o local que estivermos falando dele,temos a capacidade de curar enfermidades, não enfermidades físicas, mas enfermidades da alma daqueles irmãos que estão afastados, e estes que aceitarem ouvir Jesus e ao acolherem Sua Palavra, consequentemente irão se afastar do pecado, pecados estes que em contrapartida também o afastam de Deus. 

Andar ao lado de Jesus Cristo, seguindo-seus ensinamentos e crendo fielmente em tudo que nos foi dito por ele na Sagrada Escritura, nos dá a convicção que seremos salvos.

Então, levemos a Palavra Sagrada a quem precisa, e quem tiver ouvido para ouvir, que nos ouça.

"Guia-me pela estrada do vosso ensinamento!"

Partilha Pessoal - Lucas 8, 40-56

A filha de Jairo
Cura de uma doente

Percebo aqui nestes versículos, duas pessoas que habitualmente não andavam com Jesus Cristo, mas ainda assim, tinham uma fé enorme, a ponto de humildemente o procurarem com a certeza que mais ninguém além dele poderia atender seus pedidos de cura física e da alma.

No caso da mulher que sofria do fluxo de sangue, ela era bem diferente da maioria das pessoas que seguiam Jesus, destes, muitos o seguiam apenas pela novidade ou para ver os milagres já apregoados em todo canto e sequer percebiam que tinham naquele momento próximo de si, o filho de Deus.

Já a mulher e Jairo, confiantes pela fé que já depositavam em nosso Senhor, sabiam que eles seriam atendidos em seus pedidos.

Esses dois são excelentes exemplos para nós, devemos depositar toda nossa fé em Jesus, devemos confiar nele incondicionalmente em todos os dias e em todas as situações de nossas vidas, e não deixar que nenhuma sombra de dúvida recaia sobre nossos pensamentos.

"O amor do Senhor para q…

Partilha Pessoal - Lucas 8, 19-39

A mãe e os "irmãos" de Jesus
A tempestade acalmada
O possesso de Genesaré

Todos nós temos a possibilidade de sermos íntimos de Jesus Cristo e de fazermos parte de sua família ainda aqui nesta vida, para isso precisamos ouvir sua palavra, acolher sua palavra, praticar sua palavra e manter acessa a chama de nossa fé, e tudo mais, nos será entregue por acréscimo.

"... Não compreendo teus planos, mas tu conheces o meu caminho."